Contacte-nos

A APEF tem a sua sede social na Rua António Cândido número 154, 4200-074 Porto.

Para nos contactar utilize o formulário à direita ou remeta a sua correspondência online para o seguinte e-mail: geral@apef.pt

Para mais informações, consulte a página Quem Somos.

Caso queira contactar um departamento/membro do executivo/outro Órgão Social em particular, consulte a página Órgãos Sociais.

Nome *
Nome

Rua António Cândido, 154
4200-074 Porto
Portugal

A Associação Portuguesa de Estudantes de Farmácia, adiante designada por APEF é uma associação sem fins lucrativos, representativa dos interesses dos Estudantes do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas (MICF), representados pelas suas Associações/Núcleos de Estudantes Membros efectivos da APEF.

Atividades

Maratona da Saúde

DPI

APEF na "A Praça": Rastreio Cardiovascular, 21 de novembro de 2016 (representada por Sofia Moreira, Diretora do Departamento de Educação e Promoção para a Saúde, e por Sara Marques, Vice-Presidente de Relações Internas 2015/2016)

APEF no "Agora Nós": Rastreio Cardiovascular, 14 de novembro de 2016 (representada por Diana Carvalho, Vice-Presidente de Relações Externas 2015/2016)

Voluntariado: Direção da APEF

DPI

A Direção da APEF deslocou-se no dia 19 de Novembro ao Centro Social da Taberna Seca em Castelo Branco com o objetivo de proporcionar uma tarde diferente aos seus residentes. A tarde retratou um ambiente do convívio, animação, partilha de histórias e boa disposição, minimizando a constante solidão que muitos idosos sentem na atualidade.

I Gala Solidária APEF Social

DPI

Este ano integrado no projeto APEF SOCIAL, a APEF decidiu organizar uma Gala Solidária como programa social do III Congresso Nacional Político dos Estudantes de Farmácia, em que os lucros reverteriam a favor do Banco Farmacêutico.

A Gala decorreu no auditório da Associação Nacional das Farmácias e a noite foi pautada por um ambiente de boa disposição e solidariedade. No decorrer da noite, foram feitas algumas distinções: 3 menções honrosas entregues ao Prof. Doutor Carlos Maurício Barbosa, à Dr. Ema Paulino e à Dr. Sónia Queirós, pelo apoio incondicional e acompanhamento constante à APEF. A Associação Cura +, representada por estudantes do Porto, foi também distinguida com o prémio Responsabilidade Social e entre os membros da APEF, o projeto Fundo de Apoio Social (FAZ) foi distinguido como Projeto + Inovador.

No final da noite, os lucros foram entregues ao Banco Farmacêutico, que aproveitou para divulgar todo o trabalho feito no campo do voluntariado farmacêutico.

Crowdfunding: campanha APEF Social

DPI

A APEF deslocou-se a Castelo Branco, no dia 20/11 para um rastreio cardiovascular, que visava a angariação de donativos para a missão da Maratona da Saúde, que apoia a investigação científica na área das Doenças Cardiovasculares.

 A Associação Portuguesa de Estudantes de Farmácia, atenta às necessidades do interior do país, sobretudo no que diz respeito à população mais idosa, muitas vezes esquecida nestas iniciativa, deslocou-se a Castelo Branco, no dia 20 de novembro, para um evento que pretendia promover o contacto direto entre os estudantes de Farmácia e a população, alertando e prevenindo para o flagelo das Doenças Cardiovasculares (DCV). 

Com o objetivo de combater duplamente este problema comunitário, a APEF ambicionou contribuir, não só para a consciencialização da população para a importância da saúde cardiovascular, mas também apoiar a investigação científica neste âmbito, para que novas armas terapêuticas possam surgir.

Assim, surgiu a parceria com a Maratona da Saúde, que pretende auxiliá-la na sua missão de sensibilizar e financiar a investigação científica em Portugal na área das Doenças Cardiovasculares.

O plano era simples, a população foi incentivada a realizar “Km solidários pela Maratona da Saúde”, no decorrer do Rastreio Cardiovascular, de modo a relembrar a importância da prática de exercício físico. Estes quilómetros foram percorridos numa passadeira estática e pretende-se agora que, através desta iniciativa de crowdfundingsejam angariados donativos que possam fazer corresponder cada quilómetro percorrido, num valor monetário como forma de apoio a esta importante causa.

Objetivo: 20 euros por cada 1000m, dos 25.000m percorridos!

APEF Social: Rastreio Cardiovascular

DPI

O projeto "APEF Social - Rastreio Cardiovascular" é o mais recente projeto do Departamento de Educação e Promoção para a Saúde (DEPS) da Associação Portuguesa de Estudantes de Farmácia (APEF) e visa promover um contacto direto com os estudantes de Farmácia e a população, alertando e prevenindo o flagelo das Doenças Cardiovasculares (DCV).  

O Rastreio Cardiovascular decorrerá no dia 20 de novembro, em Castelo Branco e terás a oportunidade de prestar apoio à população através das várias áreas de ação presentes no Rastreio.

Enquanto voluntário, não tens de te preocupar com nada a não ser em ajudar pois a alimentação ao longo do dia, o alojamento (caso se aplique) e o transporte (ida e volta) ficam a nosso encargo.

A atividade é limitada, por isso não percas o teu lugar! Podes consultar aqui o Regulamento.

Tu podes fazer a diferença! Participa!

Associação Leigos para o Desenvolvimento: voluntariado

Associação Portuguesa Estudantes de Farmácia

Durante o mês de outubro a associação Leigos para o Desenvolvimento dinamiza sessões de apresentação em vários pontos do País. Pretende-se com estas sessões divulgar o trabalho missionário e profissional da organização, o voluntariado de longa duração, mostrar formas de intervenção no terreno, apresentar testemunhos de voluntários regressados, criar espaços de diálogo sobre o voluntariado LD bem como de questões e esclarecimentos pertinentes. Estas sessões destinam-se preferencialmente a potenciais interessados numa experiência missionária em África, mas também a todos os que sintam vontade de colaborar com a missão LD a partir de Portugal, apoiando as missões à distância.

 O trabalho no terreno, nos países em que têm missões – Angola, Moçambique e São Tomé e Príncipe – é realizado por voluntários dos 21 aos 40 anos, com formação académica, em regime de gratuidade, não remunerados, por um período mínimo de 1 ano. Os voluntários são enviados após um período de dez meses de formação em Portugal, para uma das missões, onde vivem em comunidade e prestam serviço profissional nas áreas onde tenham competências, formação e experiência. Formação essa que tem início no próximo mês de novembro.

Mês das Doenças do Sangue (Associação Portuguesa de Leucemias e Linfomas)

Associação Portuguesa Estudantes de Farmácia

A APLL vai realizar celebrações em vários locais, durante o mês de Setembro, para aproximar o público em geral de um maior número de doentes e familiares.

As atividades distribuem-se maioritariamente pelo norte do país:

  • Perafita, Matosinhos: Raid das Marés e caminhada
  • Braga: convívio entre doentes, sobreviventes e voluntários da APLL, no Dia Internacional do Linfoma. Este será também um momento de entrega de painéis de azulejos “Medula a Fábrica da Vida” ao Hospital de Braga.
  • Porto (Escola Superior de Enfermagem): conferência aberta a todos os profissionais de saúde e ao público em geral, sendo alguns dos palestrantes doentes que irão partilhar as suas histórias.
  • Viana do Castelo: a APLL promove uma caminhada que conta com a participação do cantor Augusto Canário. A iniciativa – que visa associar a música e a prática do exercício físico à consciencialização da doença – está agendada para as 17h00 e decorre no parque da cidade.

Este mês iniciar-se-á também o projeto “ De Volta à Forma” com o patrocínio da PortoLazer.

SEJA SORRIDÁRIO 2015 - Recrutamento de Voluntários

DPI

SORRIDÁRIOS PROCURAM-SE!

A Operação Nariz Vermelho vem solicitar o apoio de empresas, instituições e associações na concretização da campanha de angariação de fundos de rua “Seja Sorridário” - colabore connosco através do recrutamento de voluntários, da divulgação da campanha ou de outra forma que nos ajude a espalhar sorrisos pelas ruas de Portugal!

ONDE: Almada | Amadora | Cascais | Lisboa | Oeiras | Sintra | Braga | Coimbra | Gaia | Matosinhos | Porto

QUANDO: 01 | 02 | 03 | 04 OUTUBRO 2015

MISSÃO: Participar como Voluntário da Operação Nariz Vermelho na acção de rua de angariação de fundos, junto do público em geral, tendo em vista garantir a sustentabilidade do trabalho dos Doutores Palhaços nos serviços de pediatria de 13 hospitais do país.

Cada Voluntário é integrado numa equipa orientada por 2 responsáveis, tendo identificação, formação, autorização e seguro adequados à acção e participa na zona e turno que escolher na inscrição.

PERFIL: Maior de 16 anos

INSCRIÇÃO: Formulário Inscrição Seja Solidário

PRAZO: 20 SETEMBRO 2015

EMAIL: voluntario@narizvermelho.pt

TEL: Norte (Margarida Marques) 937 929 923 | Sul (Cátia Frutuoso) 937 929 926

Projecto "Resistentes"

Associação Portuguesa Estudantes de Farmácia

O NÚCLEO REGIONAL DO NORTE DA LIGA PORTUGUESA CONTRA O CANCRO, no desenvolvimento dos seus serviços e actividades de apoio aos doentes oncológicos e seus familiares, abraçou e acarinhou, desde o primeiro momento, o projecto “RESISTENTES”.

O projecto “Resistentes” surgiu do interesse pela prática desportiva, nomeadamente de futebol, por parte de um grupo de crianças e adolescentes do Serviço de Pediatria do IPO-Porto, ideia que foi acolhida e prosseguida no seio do VOLUNTARIADO da Liga Portuguesa Contra o Cancro-NRN em serviço na Pediatria.

Os objectivos iniciais do projecto traduziram-se em: proporcionar a prática desportiva às crianças e adolescentes, utentes do Serviço de Pediatria; fortalecer a auto-estima das crianças e adolescentes com problemas oncológicos; promover momentos de convívio entre as famílias destas crianças e adolescentes; estabelecer contactos e interagir com Grupos Desportivos.

Em pouco tempo, porém, sempre com o apoio incondicional da Liga Portuguesa Contra o Cancro-NRN, o projecto adquiriu contornos mais ambiciosos. Na verdade, sem perder de vista os objectivos iniciais, o projecto abraçou também as ideias de contribuir para: a criação de bolsas de estudo para as crianças e adolescentes, doentes oncológicos; o apoio social às crianças e adolescentes mais carenciados; o apoio à investigação do cancro pediátrico.  

Entretanto, o projecto “Resistentes” vem sendo apadrinhado por pessoas ilustres de diversos quadrantes, desde o desporto à música, passando pela moda e pelo meio académico. Com efeito, são já padrinhos dos “Resistentes” o ex  selecionador nacional de futebol, Paulo Bento, os jogadores Cristiano RonaldoBruno Alves e Pepe, os cantores Aurea e Tony Carreira, o estilista Miguel Vieira, a jornalista da SIC Lúcia Gonçalves e o Professor Catedrático de Fisiologia da Universidade do Porto, José Soares.

Por outro lado, os “Resistentes” já têm o seu HINO, um tema musical de nome “VENCEDORES”, com melodia da autoria conjunta dos músicos Luís Portugal e Tozé Santos e letra de José Guedes. O hino dos resistentes foi apresentado, em primeira mão, pelos dois referidos músicos, na edição de 24 de Março de 2014 do programa televisivo “Manhã CM”, da Correio da Manhã TV, apresentação que se encontra disponível em http://cmtv.sapo.pt/programas/manha_cm/detalhe/projeto-calendario-com-criancas-do-ipo-do-porto.html.