A Indústria Farmacêutica em Portugal tem já uma história longa que remonta ao final do século XIX, onde surgiram em Portugal os primeiros investimentos industriais, como a criação da Companhia Portuguesa Higiene, em 1891.

A indústria farmacêutica é uma das mais inovadoras e prósperas no mercado. Contudo, a pressão para a redução dos custos no desenvolvimento de fármacos e para a redução nos prazos para introdução dos medicamentos no mercado tem aumentado. A farmacêutica enfrenta assim o desafio de encontrar novas formas para estender, as suas linhas de produtos.

Em Portugal, são ainda algumas as indústrias existentes e de raiz portuguesa como a Bial e a Bluepharma e algumas startups como a Technophage, a Luzitin, a Cell2B, entre outras, que todos anos acolhem jovens farmacêuticos para os diversos setores da indústria do medicamento.