Perspetiva Histórica

Após o 25 de Abril, a Direção Técnica (e a propriedade) dos Laboratórios de Análises Clínicas em Portugal é de farmacêuticos e a Ordem dos Farmacêuticos, bem como o Colégio de Especialidade em Análises Clínicas que reconhecem o exercício efetivo das funções de analista clínico ao farmacêutico.

 

A Profissão

O farmacêutico Especialista em Análises Clínicas não é visto apenas como executante, é também visto como um consultor. O reconhecimento e a implementação destas competências de consultoria aos farmacêuticos especialistas assumem grande importância na racionalização dos custos associados em saúde.

Cabe ainda ao farmacêutico analista a correta seleção das análises a realizar e as suas circunstâncias, pois as mesmas terão impacto no diagnóstico e monitorização das doenças.

 

Perspetivas Futuras e Desafios

Compete ao farmacêutico analista:

  • Atualização constante, principalmente devido ao avanço das tecnologias;

  • Formação específica, direcionada para a área técnica e clínica;

  • Formação geral nas áreas da gestão de empresas e sistemas de qualidade.